[Atitude] Como o mundo está tratando você?

Publicado em por Davi Junior

Vivemos em um mundo de palavras. Temos uma palava para tudo que existe e algumas dessas palavras significam muito para nós. Palavras como "amor", "felicidade", "sucesso", "realização", "satisfação" e "habilidade" descrevem condições das quais todos nós queremos estar. No entanto, existe uma palavra que controla todas essas outras. Isso mesmo, existe uma palavra que descreve uma condição que pode nos trazer todas essas coisas ou então nos impedir de conseguir qualquer uma delas.

Se seu filho te perguntasse qual palavra é essa, você saberia respondê-lo? Se dentre todas as palavras da nossa língua lhe fosse solicitado que selecionasse apenas uma palavra para influenciar toda a sua vida, mais do que qualquer outra palavra, você saberia escolher essa palavra?

Bom, eu chamo ela de plavra mágica: ATITUDE!. Depois que crescemos e estamos por nossa conta, é essa palavra que realmente determina nosso ambiente, nosso mundo.

Se você está curioso pra saber qual é o seu tipo de atitude, um teste simples irá lhe dizer qual tem sido a sua atitude até esse momento na sua vida. Apenas responda a seguinte pergunta com "sim" ou "não": "Você acha que o mundo está te tratando bem?" Se sua atitude diante do mundo é boa, então você irá obter bons resultados. Se sua atitude é excelente, excelentes serão seus resultados. Se sua atitude é negativa, pouquíssimos serão seus resultados positivos. Por outro lado se a sua atitude for mais ou menos, você irá viver num mundo que não é nem ruim mas também não é bom, é só mais ou menos.

Nosso ambiente, que também é um meio de dizer de que forma o mundo está nos tratando, é nada mais do que um reflexo, um espelho, de nossas próprias atitudes.

Uma das coisas mais tristes da nossa sociedade é que uma grande porcentagem de pessoas que levam vidas sem propósito, tristes e vazias, reclamam contra o que, para elas, parece ser um mundo cruel no qual acreditam que foram destinadas a viver uma vida de miséria, problemas e desgraça. Qualquer pessoa que se encontra nessa prisão de angústias deve encarar o fato de que foi ela mesmo que construiu tal prisão com suas próprias mãos. A não ser que essa pessoa mude, a cela dela continuará a ficar menor e escura.

O mundo não se importa se nós mudamos ou não. Adotar uma atitude positiva e saudável diante da vida não afeta ela e as pessoas com as quais convivemos tanto quanto afeta nós mesmos. Como diz na Bíblia: "Cada um recebe na proporção que planta".

Seria impossível estimar a quantidade de empregos que foram perdidos, de promoções que deixaram de ser obtidas, de vendas que não foram feitas e de casamentos que foram arruinados, tudo por causa de atitudes negativas. Mas você pode enumerar em milhões a quantidade de empregos que são mantidos porém odiados, casamentos que são tolerados mas infelizes; tudo por que as pessoas estão esperando que os outros, o mundo, mude diante delas ao invés de serêm grandes e inteligentes o suficiente para perceber que nós obtemos da vida somente daquilo que nós entregamos.

Trinta dias é tudo que precisamos para mudar nosso mundo através de um teste bem simples. Por trinta dias trate cada pessoa que você encontrar, sem excessão, como a pessoa mais importante do mundo. Você irá perceber que as pessoas vão te tratar do mesmo jeito. Cada pessoa se considera ela mesma como a pessoa mais importante do mundo.

Como o mundo vê você? Exatamente do jeito que você vê o mundo.

Por Earl Nightingale (The Dean of Personal Development) - This is Earl Nightingale
Traduzido por Davi Junior

Círculo Liberal | Curitiba | 2017